Os protestos Black Lives Matter (BLM) estouraram em todos os 50 estados dos EUA após o assassinato pela polícia de George Floyd em Minneapolis. Os camaradas de Socialist Revolution, a seção americana da Corrente Marxista Internacional (CMI), intervêm em muitos desses protestos, lutando na linha de frente ao lado de trabalhadores e jovens contra o sistema capitalista opressivo e seu Estado assassino. Somente a revolução socialista pode acabar com o racismo para sempre! Continuaremos publicando relatórios das atividades de nossos companheiros sobre esse movimento nos próximos dias.