Fábrica ocupada na Argentina que tinha conseguido a expropriação através de lei aprovada pela câmara de Buenos Aires é atacada agora por parte de um juiz corrupto. Campanha de moções começou!